close

Biologia da São Lucas vai ao Congresso Nacional de Botânica em Manaus

Biologia da São Lucas vai ao Congresso Nacional de Botânica em Manaus

DA REDAÇÃO

30 de Agosto de 2010 às 17:56

Biologia da São Lucas vai ao Congresso Nacional de Botânica em Manaus

FOTO: (Divulgação)

O Curso de Ciências Biológicas da Faculdade São Lucas vai participar, de 5 a 10 deste mês, do 61º Congresso Nacional de Botânica, que será realizado em Manaus (AM), com a apresentação de 25 trabalhos científicos, nas linhas Arborização, Fitoquímica, Genética Sistemática, Taxonomia, Ecologia e Coleções. Um grupo de 20 acadêmicos, do 3º ao 8º períodos, estará presente ao congresso, acompanhado dos professores Anselmo Ferrer e Ana Cristina Ramos de Souza. Na capital amazonense já está agendada uma visita dos acadêmicos do curso de Ciências Biológicas da São Lucas ao Herbário do Inpa (Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia).  

A proposta do Congresso Nacional de Botânica é discutir o conhecimento, a conservação e o uso da diversidade vegetal brasileira. Além de palestras, simpósios, mesas redondas, mini cursos e oficinas, o evento também promoverá a discussão de temáticas relacionadas à genética, etnobotânica, taxonomia, coleções de plantas e políticas públicas voltadas para a recuperação de áreas degradadas e do patrimônio genético da biodiversidade brasileira. Promovido pela Sociedade Brasileira de Botânica (SBB), o Congresso realizado pelo Inpa recebe apoio de instituições como a Universidade Federal do Amazonas (Ufam), Universidade Estadual do Amazonas (UEA), Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (Ifam), Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas (Fapeam) e Sistemas CF/Bio/CR/Bios.

Para este ano, a Castanheira-da-Amazônia (Bertholletia excelsa) foi eleita a planta símbolo do Congresso Nacional de Botânica. Por ser uma das árvores mais imponentes da floresta, a Castanheira também é conhecida como “Rainha da Amazônia”.
 
 Em idade adulta, a árvore atinge a altura média de 30 a 50m e 1,5 a 2m de diâmetro de tronco. A planta é típica da região amazônica e ocorre nas florestas de terra firme de quase toda a Amazônia brasileira e dos demais países amazônicos.
 
 

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS