close
logorovivo2

GREVE - Agentes penitenciários denunciam atitude do Governo em cortar benefícios

O presidente do Sindicato da categoria, Anderson Pereira, alertou que a retirada dos auxílios prejudica o salário dos agentes, o que ocasionaria “insegurança e pânico” também às famílias.

DA REDAÇÃO

27 de Maio de 2013 às 10:33

GREVE - Agentes penitenciários denunciam atitude do Governo em cortar benefícios

FOTO: (Divulgação)

O sindicato dos servidores do sistema penitenciário e socioeducativo de Rondônia divulgou na manhã de hoje (27) uma nota de repúdio, onde aponta que o Governo ameaçou cortar os benefícios já recebidos pelos trabalhadores, assim como se nega a cumprir os acordos assinados com a categoria, citando até mesmo um feito no Tribunal de Justiça.

A nota esclarece que a categoria não está cobrando aumento de salário, mas a incorporação nos vencimentos de auxílios já recebidos e pagamento de direitos devidos. O sindicato faz questão de reiterar em sua nota que o agente penitenciário em Rondônia possui hoje o pior salário do país e com péssimas condições de trabalhos, já denunciados antes pelo próprio sindicato, que há anos vem lutando para regularizar a situação crítica que se encontra as atividades da categoria. Na nota é citado inclusive o Pacto internacional firmado perante a Corte Interamericana de Direitos Humanos para melhorias no sistema prisional que até o momento ainda não foi cumprindo.

O presidente do Sindicato da categoria, Anderson Pereira, alerta na nota que a retirada dos auxílios prejudica o salário dos agentes, o que ocasionaria “insegurança e pânico” também às famílias.

Para piorar ainda mais a situação Anderson cita uma publicação do próprio governador Confúcio Moura que em rede social (Facebook) escreveu que não sabe o que fazer com o sistema penitenciário. “Isso é uma vergonha!”, completou o presidente do Sindicato.

Confira íntegra da nota clicando AQUI.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS