close
logorovivo2

Maurão de Carvalho recebe pedido de professores de Buritis para intermediar acordo com o Governo

Maurão de Carvalho recebe pedido de professores de Buritis para intermediar acordo com o Governo

DA REDAÇÃO

28 de Maio de 2013 às 17:56

Maurão de Carvalho recebe pedido de professores de Buritis para intermediar acordo com o Governo

FOTO: (Divulgação)

A intermediação de um acordo entre o Governo e os servidores estaduais em Educação, que estão em greve, foi pedida por professores de Buritis ao deputado estadual Maurão de Carvalho (PP), durante reunião no gabinete do parlamentar, na Assembleia Legislativa, na tarde desta terça-feira (28).
“Nos colocamos a disposição para atuarmos junto ao Governo, em busca de um acordo que ponha fim ao movimento grevista. Pelo que me foi exposto, os servidores querem que o Plano de Cargos, Carreira e Salários (PCCS), já aprovado, seja colocado em prática, e que os índices de correção da inflação, sejam assegurados”, disse Maurão.
O deputado recebeu os professores de sociologia e educação física, Leo Santo Valério, de história, David Teixeira, e de inglês, Silvério Ferreira dos Santos. Os produtores rurais Valmor de Siqueira e José Roberto de Souza também participaram do encontro.
“O que queremos é que o Governo cumpra a promessa feita na greve do ano passado, de implantar o PCCS e assegurar a correção da inflação no período, cerca de 24%. Mas, nada disso tem sido feito e por isso a decisão de greve”, informou Leo Santo.
Para o professor Silvério, “o Estado assumiu compromissos com a categoria e agora alega não ter como atendê-los, o que não se justifica. Não estamos cobrando reajuste, queremos que o Governo cumpra o PCCS e corrija a inflação”.
David Teixeira garantiu que o desejo da categoria não é estender a greve, mas não resta alternativa, em razão da recusa do Governo em cumprir os acordos já pré-estabelecidos. “Também cobramos o pagamento das pecúnias e prêmios, além da elevação de nível e as progressões, previstas no PCCS. Procuramos o deputado Maurão, na tentativa de uma saída para o impasse, pois a categoria está firme e esperando que o governador cumpra a sua parte”, completou.
Críticas à secretária da Seduc
Os professores reforçaram as críticas à secretária estadual de Educação, Izabel Luz, que segundo eles, não tem atuado para promover a melhoria na pasta. “Até os cursos e ações de qualificação na atual gestão são fracos. Na gestão de Izabel Luz, em Buritis foi feita apenas uma atividade, de somente meio período, com um conteúdo fraco e sem nenhuma utilidade”, reclamou o professor Silvério.
Durante discurso em plenário, na sessão desta terça-feira (28), o deputado Maurão reforçou a cobrança ao Governo, para que retome às negociações com a categoria, cumpra a sua parte e encerre a greve dos servidores em educação.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS