close
logorovivo2

Governo apresenta proposta de correção salarial aos servidores da Saúde

Governo apresenta proposta de correção salarial aos servidores da Saúde

DA REDAÇÃO

12 de Junho de 2013 às 08:51

Governo apresenta proposta de correção salarial aos servidores da Saúde

FOTO: (Divulgação)

O Governo de Rondônia, por meio da Mesa de Negociação Permanente (Menp), apresentou na manhã de hoje (11), a proposta de correção salarial para os anos de 2013 e 2014, aos representantes do Sindicato dos Servidores da Sáude (Sindsaúde), representado, na ocasião, pelo presidente Caio Marin.
O presidente da Menp e secretário de Estado de Administração (Sead), Rui Vieira, acompanhado do secretário de Planejamento (Seplan), George Braga, apresentou a proposta aos representantes, esclarecendo que foi possível avançar após as reuniões ocorridas no último final de semana junto ao governador Confúcio Moura, que trouxe boas perspectivas de Brasília em relação à transposição dos servidores e da revisão da dívida do extinto Banco do Estado de Rondônia (Beron). 
A proposta prevê a correção salarial na ordem de 5,87%, referentes a 2013, com base na inflação de 2012; a serem pagos a partir de junho de 2014; acrescida da revisão salarial de mais 6%, referente ao ano de 2014, relativa à inflação de 2013, a ser paga em outubro e novembro de 2014, e em janeiro de 2015. Este parcelamento recebeu novo pleito do Sindsaúde, para que tais parcelas sejam pagas em agosto, setembro e outubro de 2014. A proposta do governo condiciona ainda a categoria ao compromisso de que não haverá movimento paredista nos dois próximos anos, para a sua implementação.
Também ficou acordado, durante a reunião, o pagamento dos adicionais de insalubridade, a partir do mês de janeiro de 2014, com o compromisso de se começar a emissão dos laudos pelo Hospital Regional de Cacoal, ainda neste ano. A implantação do realinhamento dos servidores da saúde, conforme já havia sido confirmado, de acordo com o secretário Rui Vieira, será feita na folha de pagamentos do mês de julho/2013, no valor de R$471 mil reais. 
Rui Vieira também adiantou que a Menp permanecerá aberta para a recepção dos demais pleitos das diversas categorias. Estiveram presentes à reunião, o advogado do Sindsaúde, Geremias Carmo Novais; os membros Roberto Ferreira; Edinaldo Ferreira da Silva; o presidente da CUT, Itamar dos Santos Ferreira e o representante da secretaria de Finanças, Domingos Francisco da Cunha.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS