close

Deputado cobra mais ação do Governo em favor dos agricultores

Deputado lê carta que recebeu de um proprietário de agroindústria descontente com o Governo.

DA REDAÇÃO

4 de Março de 2015 às 10:28

Deputado cobra mais ação do Governo em favor dos agricultores

FOTO: (Divulgação)

O deputado Laerte Gomes (PEN), em discurso da tribuna da Assembleia Legislativa, cobrou mais ação do Governo do Estado em favor dos pequenos agricultores de Rondônia. Disse que se reuniu, no último final de semana, no município de Alvorada do Oeste, com presidentes das Associações Rurais, ocasião que ouviu os problemas que eles estão enfrentando e quais os projetos que almejam para o futuro. Vários parlamentares o apartearam e lamentaram a gestão da Secretaria de Estado da Agricultura.

Para demonstrar a insatisfação dos agricultores, Laerte Gomes leu uma carta que Vanderlei Aquino de Oliveira, proprietário da Agroindústria Aquino, do município de Nova Brasilândia, a encaminhou com a narrativa do que vem enfrentado para manter seu negócio em atividade. O empresário pediu compreensão e ajuda ao deputado.

“Fomos a primeira Agroindústria regularizada neste Estado pelo Programa de Governo da Agroindústria Familiar (Prove). Tivemos assistência da Emater para regularização e a Seagri e o Governo do Estado nos prometeram os equipamentos para dar funcionamento à Agroindústria... No meu caso, me foi prometido os equipamentos e, quando estava com toda a documentação pronta para ser aprovada, o governador fez a inauguração, porém não entregou meus equipamentos. Fiquei nesta situação por mais de um ano”, relata em um dos trechos Vanderlei Aquino.

Laerte Gomes disse que o produtor fez a parte dele, enquanto que o Governo, não. O mais grave é que o governador esteve presente na inauguração e as coisas não andaram, disse o parlamentar ao destacar mais outro trecho da carta de Vanderlei que cita que “em total desespero, recorri a uma emenda parlamentar, que tinha uma contra partida da Prefeitura Municipal, onde achei que pudesse resolver meu problema de não ter equipamentos para prosseguir meu registro de agroindústria e quando me foram entregues todos estavam com problemas de fabricação. Eram sucateados e não me serviram de nada... A Seagri descobriu que haviam equipamentos parados em uma associação, que estavam irregulares, e resolveu, depois de quase dois anos, após a ‘inauguração’, remanejar estes equipamentos para minha agroindústria”.

O produtor pediu o auxílio e ajuda ao deputado Laerte Gomes ao afirmar que “somente entrei no programa porque não tinha condições de custear estes equipamentos”. Laerte observou que a situação é grave e disse que a culpa é da gestão da Seagri. “O secretário (Evandro) Padovani está deixando a palavra do governador  Confúcio Moura cair no descrédito. Não sei, também, por qual motivo o governador ainda não tomou as devidas providências”, destacou.

Já o deputado Lazinho da Fetagro (PT) disse que o problema não está no secretário. Segundo ele, o programa da agroindústria é muito vago. Defendeu ação através do cooperativismo, pois o Governo não tem dado conta de investir, enquanto que o pequeno agricultor não tem condições de investir. E não hesitou em afirmar que o programa foi uma grande ideia, mas a realização, um desastre.

Adelino Follador (DEM) observou que o projeto das agroindústrias é muito importante e que o Governo precisa resgatá-lo em favor da agricultura, enquanto que o deputado Ezequiel Júnior (PSDC) disse que hoje se observa o descontentamento com a agricultura nos quatro cantos do Estado e clamou para que o Governo dê mais apoio aos agricultores rondoniense.

Laerte Gomes agradeceu o apoio recebido na questão da agricultura. Na ocasião, elogiou o prefeito de Ji-Paraná, Jesualdo Pires. Destacou o trabalho realizado na cidade jiparanaense e enalteceu o apoio dado pelo deputado federal Marcos Rogério (PDT) pelo apoio dado à administração municipal. O deputado lamentou o assassinato do jovem Douglas, de 22 anos. Cobrou esclarecimentos das autoridades para elucidação do caso porque a morte foi por espancamento.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS