close

Governo busca apoio para colocar Porto Velho na rota de voos internacionais

Governo busca apoio para colocar Porto Velho na rota de voos internacionais

DA REDAÇÃO

16 de Novembro de 2015 às 08:08

Governo busca apoio para colocar Porto Velho na rota de voos internacionais

FOTO: (Divulgação)

No intuito de solicitar da Receita Federal o apoio para que o Aeroporto Internacional Jorge Teixeira inicie seus pousos e decolagens para outros países, o governador Confúcio Moura reuniu-se nessa quarta-feira (12) com o secretário da Receita Federal, Jorge Rachid, no Ministério da Fazenda, em Brasília.

A quantidade de produtos importados e exportados resultantes do comércio com países andinos e o incremento da indústria do turismo foram os pontos principais abordados pelo governador no encontro. Confúcio explanou sobre os locais mais visitados de Rondônia, sobretudo de Porto Velho, e destacou a posição geográfica que, segundo ele, privilegia o estado tanto no contexto da região Norte quanto no internacional.

Jorge Rachid explicou que a Receita Federal pode atuar no local com ações simples do governo estadual. O ponto principal é Rondônia iniciar os voos. A partir daí a Receita Federal implementa os procedimentos padronizados ao funcionamento de um aeroporto internacional, como vigilância e repressão, controle aduaneiro, instalação de equipamentos de segurança, entre outros.

Confúcio demonstrou ao secretário Rachid que com as informações o aeroporto de Porto Velho fica bem próximo de proporcionar voos internacionais. “Agora vamos trabalhar junto às companhias aéreas e de turismo para que sejam criados pacotes de viagem que incluam Rondônia”, comemorou.

O Aeroporto Internacional de Porto Velho, também chamado de Belmont, devido ao bairro que o situa, passou a ser aeroporto internacional em fevereiro de 2002. A sete quilômetros do centro da cidade, tem capacidade para 1,5 milhão de passageiros por ano. Além disso, oferece mais de 150 voos domésticos por semana.

Também estiveram presentes o subsecretário da Receita Federal, Ernani Argolo e a superintendente de Integração do Estado de Rondônia em Brasília, Elizete Lionel.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS