close

Vara de Execuções Penais de Colorado do Oeste apóia projeto Ajudôu

O judô de Colorado do Oeste é o maior destaque esportivo do município

DA REDAÇÃO

20 de Setembro de 2017 às 15:42

Vara de Execuções Penais de Colorado do Oeste apóia projeto Ajudôu

FOTO: (Divulgação)

A Vara de Execuções Penais da comarca de Colorado do Oeste, que tem como titular a juíza de Direito Márcia Regina Gomes Serafim, apoia o Projeto Ajudôu Comunidade, desenvolvido pela Associação de Judô Matsubara.

O Projeto Ajudôu Comunidade oferece aulas de judô gratuitamente a dezesseis (16) bolsistas, sendo três (3) para crianças e adolescentes filhos ou enteados de apenados, cujo núcleo familiar seja considerado de baixa renda; cinco (5) crianças e adolescentes com potencial esportivo de projetos sociais também cujas famílias sejam consideradas de baixa renda; cinco (5) bolsas para crianças e adolescentes oriundas do Programa Mais Educação ou do Projeto Judô na Escola e, por fim, três (3) bolsas para servidores da segurança pública sendo uma (1) para policial militar, uma (1) para policial civil e uma (1) para agente penitenciário.

A ideia da parceria entre a Associação de Judô Matsubara e o Juízo da Vara de Execuções Penais da Comarca de Colorado do Oeste nasceu com a publicidade do Provimento nº 020/2013-CG, em que a juíza Márcia Regina e promotor de Justiça, na época Willer Araújo Barbosa, reuniram-se com os representantes das entidades que desenvolviam trabalhos sociais nesta comarca.

Campeões

O Projeto Ajudôu Comunidade iniciou em meados de 2014 e, desde então, não sofreu nenhuma interrupção. Desse projeto já foram revelados os atletas: Pablo Pedra, Eduardo Garcia e Francineide Pereira, sendo esta última medalhista de ouro em competições do brasileiro regional de judô.

O judô de Colorado do Oeste é o maior destaque esportivo do município. No dia 13 de setembro de 2017, em Curitiba-PR, a atleta Amanda Felipetto da Associação de Judô Matsubara, foi vice-campeã nos Jogos Escolares da Juventude para atletas de 12 a 14 anos.

Segundo o professor Emílio Matsubara, “o apoio do Tribunal de Justiça de Rondônia, por meio da VEP local, ao Projeto Ajudôu Comunidade é de vital importância para o desenvolvimento da modalidade, uma vez que o município não desenvolve políticas públicas para fomentar os esportes”. E, agradecido, acrescenta “o Provimento nº 020/2013-CG foi muito importante, pois deu publicidade, transparência e oportunidade e sabemos que a VEP tem apoiado várias instituições sérias que desenvolvem trabalhos sociais na comarca de Colorado do Oeste”.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS