close

TRISTEZA: Moradores de rua se aglomeram no entorno da rodoviária da capital

Em Porto Velho existem nove unidades de atendimento porém estão com suas demandas atuando no limite em decorrência do grande numero de cidadãos venezuelanos

DA REDAÇÃO - JOÃO PAULO PRUDÊNCIO

18 de Outubro de 2019 às 09:56

TRISTEZA: Moradores de rua se aglomeram no entorno da rodoviária da capital

FOTO: (Divulgação)

Reconhecido por ser um dos terminais rodoviários mais precários entre as capitais brasileiras, a rodoviária de Porto Velho vem transformando seu entorno em moradia para pedintes e pessoas sem perspectivas de vida.

 

Na tarde desta última quinta-feira (17) o repórter William Ferreira “Homem do Tempo” foi até o local e registrou essa triste situação. São mulheres, idosos e homens, grande parte oriundas de outras cidades e que acabaram ficando na capital de Rondônia.

 

 

Ação

 

Em Porto Velho existem nove unidades de atendimento para acolher pessoas em vulnerabilidade social, sendo que duas delas são destinadas a adultos, porém estão com suas demandas atuando no limite em decorrência do grande numero de cidadãos venezuelanos que buscaram a cidade.

 

 

A Secretaria Municipal de Assistência Social e da Família – SEMASF é responsável por esse atendimento. Em contato com representantes da secretaria a reportagem foi informada que uma ação denominada “Tenda Social” será promovida nas proximidades da rodoviária no próximo dia 31 de outubro.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS