close

FARSA: Funcionário simula roubo de trator para vender e pagar dívida

De acordo com a polícia, o funcionário da fazenda planejou o crime junto com o homem a quem ele devia

ALERTA ROLIM

17 de Fevereiro de 2020 às 16:33

FARSA: Funcionário simula roubo de trator para vender e pagar dívida

FOTO: (Divulgação)

Após a recuperação de um trator roubado, em uma fazenda na área rural de Parecis/RO e a prisão de dois suspeitos realizada pela Polícia Militar durante a manhã deste domingo (16), foi descoberto que o roubo foi uma simulação, orquestrada por um funcionário da fazenda com o objetivo de pagar uma dívida.

 


Entenda o caso

 

De acordo com a polícia, o funcionário da fazenda planejou o crime junto com o homem a quem ele devia e contrataram outra pessoa para participar da simulação.

 

O funcionário então se passou por vítima. A própria versão dada por ele junto à polícia, de que participaram da ação criminosa um total de cinco homens e que ele fora agredido, também não passou de uma invenção, pois foi constatada a participação de dois homens e que não houve em nenhum momento agressões.

 

Dois envolvidos foram presos pela Polícia Militar e autuados em flagrante delito pela Autoridade Policial. O terceiro envolvido, que se trata do homem que receberia o dinheiro da dívida com a venda do trator, continua sendo procurado pela polícia.

 

Um dos envolvidos reside no município de Cujubim/RO e foi contratado pela quantia de cinco mil reais para participar do disfarce e levar o trator até a cidade de Ariquemes.

 

O motorista do caminhão, um homem de 50 anos, que reside no Bairro Cidade Alta, em Rolim de Moura e trabalha como freteiro foi contratado na manhã de domingo para fazer o frete. O mesmo foi encaminhado até a UNISP local para esclarecimentos e foi liberado posteriormente.

 

Agora resta ao funcionário da fazenda (acusado) continuar com a dívida e ao outro envolvido, o não recebimento do débito, além de que ambos responderão perante a Justiça.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS