close
logorovivo2

Latrocida que vitimou casal de idosos na capital é preso após se esconder embaixo de cama

Latrocida que vitimou casal de idosos na capital é preso após se esconder embaixo de cama

DA REDAÇÃO

25 de Outubro de 2007 às 13:30

Latrocida que vitimou casal de idosos na capital é preso após se esconder embaixo de cama

FOTO: (Divulgação)

Através do serviço de inteligência policial a Delegacia de Patrimônio prendeu Ocimar dos Nascimento Góes, que com apenas 20 anos já cometeu dois latrocínios na capital rondoniense, no último sua vítima foi um casal de idosos. Ocimar, vulgo "Ciminha", foi preso dia 24, no bairro Marcos Freire, na capital, após tentar fugir da polícia. Ele foi encontrado embaixo da cama de uma residência. "Ciminha" ao ser preso confessou o crime e delatou seus comparsas, sendo eles: um menor de idade, que participou do assalto e já está apreendido e um outro menor, que teria guardado a arma e está sendo procurado pela polícia. De acordo com o secretário Adjunto da Secretaria de Estado da Segurança, Defesa e Cidadania (Sesdec), delegado Cezzar Pizzano, o latrocida representa um líder negativo para a sociedade, uma vez que este influencia jovens para entrar no mundo do crime. Informações da Delegacia de Patrimônio dão conta que outros dois menores de idade atuam com "ciminha" em seus crimes. Segundo a delegada Roselei de Lima (Patrimônio), a prisão do elemento foi possível em razão de denúncias feitas pela população, a delegada considera fundamental o elo da polícia com a comunidade para que o serviço policial seja bem sucedido. "Ocimar e seus comparsas estavam usando substâncias entorpecentes antes de cometerem o crime e essa violência, mais uma vez, é resultado do tráfico de drogas", declarou Roselei. Conforme a delegada, em maio do ano passado outro idoso foi morto por "ciminha", durante um assalto, ocorrido na zona leste, no motel Parati. Dos 17 casos de latrocínio registrados hoje na Delegacia de Patrimônio, 15 já foram elucidados, em razão disso Pizzano enaltece o serviço que vem sendo desempenhado pela delegada e sua equipe. "É um orgulho para nós termos uma mulher no comando de uma delegacia como a de Patrimônio, pessoa que se dedica diuturnamente para combater os crimes ocorridos na capital. São figuras como esta que valorizam a nossa polícia e trazem o retorno que a sociedade espera, a doutora Roselei e toda a sua equipe estão de parabéns", destacou o secretário Adjunto. O crime O latrocínio que vitimou o casal de idosos, Felipe Rodrigues Moura e Tereza Maria de Jesus Rocha, aconteceu no último sábado, no bairro, em Porto Velho. De acordo com a polícia, eles estavam consumindo drogas e quando a substância acabou, sem dinheiro, resolveram assaltar o comércio do casal, quando Moura reagiu e acabou sendo baleado junto com sua esposa. Exatamente na data Felipe Rodrigues Moura completaria 56 anos. *VEJA TAMBÉM: * Foragido de Goiânia é preso em Rondônia * Adolescentes fogem de casa e são localizadas pela PRF
*Aos leitores, ler com atenção*

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS