close
logorovivo2

Idoso é preso acusado de estuprar menina de 11 anos na zona Sul

A menina recusou as investidas do idoso e correu para o quarto, porém o suspeito a seguiu e a colocou deitada sobre a cama, depois deitou sobre ela e a atacou com mais beijos e carícias. Não conseguindo o seu intento ele saiu e foi até fora da casa acompa

DA REDAÇÃO

26 de Junho de 2013 às 15:20

Idoso é preso acusado de estuprar menina de 11 anos na zona Sul

FOTO: (Divulgação)

Policiais foram acionados para atender uma denúncia de estupro à criança ocorrido na zona Sul da Capital no início da tarde de ontem (25).

De acordo com relatos descritos no Boletim de Ocorrência nº 4943/2013, o denunciante informou aos policiais que ao chegar em sua residência, localizada no Bairro Cidade Nova, soube de sua irmã M. J.O.S. (60) que a sua sobrinha, uma menor de 11 anos, teria sofrido suposto abuso por parte de seu inquilino, o idoso identificado como José E.G.A. (63).

Os policiais entraram em contato com a vítima, a menina, que disse que teria ficado estudando em casa quando o idoso a chamou para lhe ajudar a tentar “matar” um enxame de abelhas que estava em uma árvore em seu quintal. Porém o ancião passou a acaricia-la em várias partes do seu corpo.

Assustada, a menor voltou para o interior da casa, neste momento ele foi até o portão atender dois rapazes que estavam mexendo no padrão de energia da casa. Depois, não satisfeito, o velho voltou a atacar a menina, agarrando-a e forçando beijos no pescoço e carícias pelo corpo, inclusive nas nádegas. Enquanto realizava suas investidas ele pedia a todo momento para ela “manter silêncio e não contar nada para o seu pai”.

A menina recusou as investidas do idoso e correu para o quarto, porém o suspeito a seguiu e a colocou deitada sobre a cama, depois deitou sobre ela e a atacou com mais beijos e carícias. Não conseguindo o seu intento ele saiu e foi até fora da casa acompanhar o serviço dos homens que consertavam o padrão de luz.

Neste momento a menor aproveitou e fez uma ligação para sua tia, chorando muito, onde lhe contou o que havia acontecido. A tia então foi até a residência e pegou a menina levando-a para sua casa que fica ao lado. Onde ela ficou aguardando a chegada da polícia logo após a denúncia ter sido feito.

Diante dos fatos apurados o idoso recebeu voz de prisão, sendo conduzido à Central de Flagrantes para as providências cabíveis. Os dois homens que realizavam o serviço externo da casa disseram ao delegado plantonista que não desconfiaram de nenhuma atitude que estivesse ocorrendo no interior da residência, pois estavam ocupados consertando o padrão de energia que fica localizado pelo lado de fora do muro.

*Aos leitores, ler com atenção*

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS