close

CONGRESSO: “Energisa vai explicar preço da luz em Audiência Pública”, diz Léo Moraes

Para Léo Moraes o furto de energia como desculpa é algo descabido

DA REDAÇÃO

21 de Junho de 2019 às 14:28

Nesta última semana a Comissão de Minas e Energia da Câmara Federal aprovou o requerimento de autoria do deputado federal Léo Moraes (PODE), para a realização de Audiência Pública em Porto Velho para tratar sobre o alto preço da conta de luz do cidadão rondoniense nos últimos meses.

 

Estarão presentes nessa audiência que ainda terá sua data de realização agendada, representantes do Ministério de Minas e Energia, Eletrobrás, Agência Reguladora (ANEEL), Governo do Estado, Assembleia Legislativa, além do presidente da Energisa em Rondônia, André Theobald.

 

Para Léo Moraes a desculpa de que  o alto preço da tarifa de luz se dá pelo grande volume de furtos na rede de energia elétrica é descabida, uma vez que nenhum comerciante pratica esse tipo de variação, fato que torna injusta essa ação por parte da Energisa.

 

“Se você é dono de um mercado, por exemplo uma farmácia, e acaba sendo roubado, isso não é repassado no preço dos produtos vendidos, até porque se fizer isso termina perdendo seu cliente para o concorrente, isso não é prática de empresa séria”, afirmou Léo Moraes.

 

O parlamentar agradeceu a aprovação do requerimento e afirmou que o debate será levado para o cidadão portovelhense, que não aguenta mais o valor cobrado nas tarifas. “Queremos que eles expliquem o porquê desses aumentos, eles vão mostrar a cara lá em Porto Velho, nós queremos um cronograma de trabalho. Tem furto e eles repassam a outros consumidores, isso não é visão de mercado. Hoje o cidadão tem que escolher entre pagar a energia ou a comida, é uma situação calamitosa”, disse o deputado federal Léo Moraes.

 

Com diversas hidrelétricas em seu território, entre elas duas entre as maiores do Brasil, Rondônia produz 8% de toda a energia do país. O requerimento de Audiência Pública foi aprovado por unanimidade entre os congressistas membros da comissão.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS