close

ESPAÇO ABERTO: A reforma da previdência e o preparo para uma invasão alienígena

Confira a coluna

RONDONIAOVIVO - CÍCERO MOURA

5 de Julho de 2019 às 08:29

ESPAÇO ABERTO: A reforma da previdência e o preparo para uma invasão alienígena

FOTO: (Rondoniaovivo)

COMO ENFRENTAR ALIENÍGENAS


Uma hipótese, no mínimo curiosa, foi levantada em um dos exercícios de fixação de um curso interno para promoção na carreira de oficial de chancelaria, do Ministério de Relações Exteriores (MRE). Em uma aula de gestão patrimonial, foi perguntado aos servidores qual deveria ser a prioridade em caso de uma invasão alienígena! E mais, a galáxia desses possíveis alienígenas ainda é especificada!

   
Segundo a assessoria do Itamaraty, tratou-se de recurso retórico, que se usa nesse tipo de prova. No contexto fica claro que é um cenário hipotético usado em sala de aula, não é uma avaliação real de risco dessa natureza. Sendo assim eu pergunto: qual a razão de se ter um exercício desse? Não há o que não haja.

 

 

1 BI EM ALUGUÉIS


Auditoria do Tribunal de Contas da União (TCU) em cerca de dois mil contratos de órgãos e entidades públicas, sob o comando do ministro Vital do Rêgo, atesta que os gastos com aluguéis ultrapassaram R$1 bilhão por ano em 2016 e 2017, devido à ausência de sistema que garanta o melhor preço. O TCU também não conseguiu identificar qualquer metodologia para medir a vantagem econômica das mudanças de sedes, que custam milhões só para trocar de endereços.

 


EXEMPLO NEGATIVO


A Eletronorte, estatal que só dá prejuízo, torrou nada menos que R$18 milhões em despesas com mudança de endereço. Ninguém foi preso.

 

 

ALUGUÉIS EM DÓLAR


Em razão da necessidade de manter postos no exterior, somente o Itamaraty gasta mais de R$200 milhões com aluguéis em dólares.

 

 

QUEM MAIS GASTOU


Em 2017, o então ministério da Fazenda gastou R$140 milhões em alugueis, AGU R$120 milhões e Educação outros R$120 milhões.

 


FACILITADOR


Segundo o TCU, contratos foram firmados com dispensa de licitação pois a prática não é proibida por Lei. A escolha do imóvel é livre.

 

 

SÓ EM 1º TURNO


Se engana quem pensa que os deputados federais deram um grande passo para aprovar a reforma da Previdência antes do recesso parlamentar. Um dos donos das vontades da Câmara, Arthur Lira (AL), líder do PP e do Centrão, já avisou que no dia 18 a proposta será votada apenas em 1º turno. O presidente da Câmara, Rodrigo Maia, poderia fazer ambas as votações em duas horas, como na PEC do Orçamento Impositivo, mas a turma quer é embromar, vendendo caro a aprovação da reforma.

 

 

CHANCE DA PRESSÃO


A votação em 2º turno, segundo Arthur Lira, será apenas em agosto. Fica a esperança de obrigar o governo a “negociar” sua aprovação. Por que não votar no mesmo dia, como na PEC do Orçamento? Arthur Lira debocha: “A Câmara só tem pressa para fazer o bem…”

 

 

ACESSO AO COFRE


Sem reforma não haverá como pagar salários e aposentadorias, bolsa-família etc. Mas no Centrão “fazer o bem” é pôr as mãos no orçamento.

 

 

MARIA VAI COM AS OUTRAS


Apesar da intimidade com o PT no passado, o MDB é um dos partidos que mais apoiam o governo Bolsonaro na Câmara. Os deputados federais do MDB votaram com o governo mais de 80% das vezes. Cara de pau? Onde???

 

 

NOVA MARCA


O grupo Slim pretende extinguir a marca “NET” para unificar sua identidade. Os serviços de TV à cabo, telefone fixo e internet da NET devem ganhar a marca “Claro” nos próximos meses.

 

 

Mande suas sugestões de pauta, fotos, denúncias ou reclamações para espacoaberto@rondoniaovivo.com.

 

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS